alexa certify
0

Funcionários da Google não terão aumento de salário 

Os executivos da Google sabem sobre as preocupações de seus funcionários em relação ao aumento da inflação. No entanto, eles não pretendem realizar o aumento salarial dos empregados.

Na terça-feira, durante uma reunião de estratégias da empresa para o próximo ano, o assunto salarial foi abordado. 

Após as reuniões da Google, que foram realizadas virtualmente, os executivos escolheram temas originados de um fórum interno para discutir. As questões relacionadas ao pagamento dos empregados e dos altos custos da inflação foram os mais votados.

A CNBC recebeu o áudio da reunião. A empresa analisou um documento sobre a questão da inflação, que Sundar Pichai, CEO da Google, leu em voz alta.

Pichai disse que algumas empresas dos EUA estão fazendo ajustes salariais para cobrir a inflação, com as suas taxas em torno de 7%. Em seguida, ele perguntou se havia algum plano para a Google realizar a mesma estratégia.

O discurso de Frank Wagner

Logo depois de sua fala, Pichai deu as boas vindas a Frank Wagner, vice-presidente de compensação da Google. 

Wagner disse que percebeu que as preocupações sobre a inflação e salários dos funcionários são importantes. Além disso, falou que a administração da empresa divulgaria cartas aos gerentes nesta semana contendo informações sobre as suas remunerações em 2022.

Entretanto, ele disse que a Google não iria realizar ajustes salariais na empresa referentes à inflação antes de conseguir pagá-los de forma justa.

Ele disse que quando a empresa vê o aumento de preço da inflação, ela também percebe aumentos na taxa de remuneração de mercado ou mão de obra. Wagner falou que a Google não considera dar pequenos aumentos aos trabalhadores. Em vez disso, ela quer ajustá-los de acordo com o desempenho.

Em um comunicado, o porta-voz da Google repetiu as observações de Wagner sobre o pagamento salarial da empresa com base no desempenho.

O porta-voz disse que os funcionários recebem bônus como parte de seu salário, incluindo vários benefícios e flexibilidade. As declarações da companhia indicam suas prioridades no momento em que acontece a chamada “Great Resignation” nos EUA. Fora que, muitas pessoas estão abandonando seus empregos na esperança de um salário melhor.

 

  • Support
  • Platform
  • Spread
  • Trading Instrument
Comments Rating 0 (0 reviews)

Receba as últimas notícias sobre economia, negociação e forex na Finance Brokerage. Confira nossas instruções de negociação abrangentes e a lista das melhores das melhores corretoras de forex. Se você estiver interessado em acompanhar as últimas notícias sobre o Mercado Financeiro, por favor, siga Finance Brokerage no Google News.



você pode gostar também

Leave a Reply

User Review
  • Support
    Sending
  • Platform
    Sending
  • Spread
    Sending
  • Trading Instrument
    Sending