alexa certify
0

Importações de carvão da China crescem

A China importou quase duas vezes mais carvão em outubro do que no ano anterior, apesar dos sinais de que seu déficit de energia é moderado.

Segundo dados da Wind Information, as compras mensais de carvão atingiram 26,9 milhões de toneladas em outubro. Isso foi um crescimento de 96,2% em relação ao ano anterior.

No entanto, houve uma redução de 18,2% em relação ao total do mês passado, de 32,9 milhões de toneladas. As autoridades chinesas se esforçaram para evitar a escassez de carvão no país. O número de províncias chinesas com graves cortes de energia passou de 18 para 2 em meados de outubro.

A State Grid of China informou que o fornecimento e a demanda de energia em suas áreas de serviço voltaram ao normal, mas alertou sobre os desafios durante os meses de inverno. Os EUA continuaram sendo o parceiro comercial mais importante da China. As  importações americanas caíram drasticamente para aproximadamente 4,6% em outubro. Enquanto isso, as exportações para os EUA aumentaram em um ritmo rápido de 22,7%.

As importações da Austrália passaram de 50,7% para 24,3%. Já as exportações, passaram de 23,8% em setembro para 22,3%.

Importações gerais da China

De acordo com a Reuters, as importações totais da China aumentaram 20,6% em outubro, ficando abaixo das estimativas de aumento de 25%. Ao passo que as exportações da China aumentaram 27,1%, superando a previsão da Reuters de 24,5%.

Houve um aumento de 7% nas exportações chinesas em outubro, excluindo o aumento nos preços ao produtor. 

Aumento do petróleo 

Na segunda-feira de manhã, o petróleo cresceu na Ásia, depois que a Saudi Aramco subiu o preço oficial de venda dessa commodity.

Os futuros do petróleo Brent subiram 1,04%, para US$83,60. Já os futuros do petróleo West Texas Intermediate (WTI) subiram 1,21%, para US$82,25.

Em dezembro, a Aramco aumentou o preço oficial de venda do petróleo Arab Light para a Ásia no valor de US$2,70 por barril. A administração do presidente dos EUA, Joe Biden, estudará os dados de abastecimento do petróleo Bruto do American Petroleum Institute e da Energy Information Administration.

O recente aumento nos preços do petróleo para as máximas de sete anos preocupou Biden. Ele pediu à Organização dos Países Exportadores de Petróleo e seus aliados (OPEP+) para aumentar o fornecimento. A OPEP+ dificilmente mudará sua postura. Além disso, o movimento da Aramco sugere que a Arábia Saudita continuará desafiando as demandas dos EUA para bombear mais rápido.

Em outubro, as importações de petróleo da China caíram para o nível mais baixo em três anos na Ásia-Pacífico. Devido ao aumento dos preços, as refinarias estatais não conseguiram comprá-lo. Sendo assim,  refinadores independentes enfrentaram limitações de importação de petróleo Bruto.

 

  • Support
  • Platform
  • Spread
  • Trading Instrument
Comments Rating 0 (0 reviews)

Receba as últimas notícias sobre economia, negociação e forex na Finance Brokerage. Confira nossas instruções de negociação abrangentes e a lista das melhores das melhores corretoras de forex. Se você estiver interessado em acompanhar as últimas notícias sobre o Mercado Financeiro, por favor, siga Finance Brokerage no Google News.



você pode gostar também

Leave a Reply

User Review
  • Support
    Sending
  • Platform
    Sending
  • Spread
    Sending
  • Trading Instrument
    Sending