alexa certify
0

Notícias do Mercado e Gráficos Para 19 de Agosto de 2019

Olá investidores! Abaixo estão as mais recentes atualizações do gráfico forex para as sessões de sexta-feira. Aprenda com as analyses fornecidas e aplique as posições recomendadas para sua próxima ação. Bom dia e Boa Sorte!

EUR/JPY

O par é esperado para mover-se ainda mais baixo nos próximos dias após romper para baixo uma linha importante de suporte. O deficit comercial do Japão com a União Europeia entra em sua minima em dois meses para apenas US$ 643,17 milhões. Isto mostra a cooperação crescente entre os dois países após a ratificação do Acordo de Livre Comércio UE-Japão, que foi a reposta das duas (2) economias ao protecionismo comercial popularizado pelos Estados Unidos no século XXI. O deficit comercial do Japão com seu maior parceiros comercial, a China, também diminuiu em 9,3% para US$ 3,60 bilhões. Entre seus parceiros, o deficit comercial do Japão com os Estados Unidos aumentou em 15,6% para US$ 5,44 bilhões em relação ao ano passado, registrando o quinto ganho mensal consecutive. Este aumento no deficit comercial ocorreu em meio as negociações comerciais iminentes entre os EUA e o Japão. O presidente dos EUA, Donald Trump, alertou ao Japão e a UE que ele imporá tarifas sob as duas (2) economias.

FinanceBrokerage - Notícias do Mercado: Gráfico EUR/JPYUSD/CAD

O par continuará a mover para mais alto após ter encontrado suporte de sua linha de resistência anterior. Os Estados Unidos e a China estão se juntando para pressionar a China sobre Hong Kong. Hong Kong, uma ex-colônia britânica, foi entregue à China em 1997 com um acordo de transição de 50 anos antes de o país se tornar oficialmente parte da China. Em meio a isto, entretanto, o Canadá também estava enfrentando dificuladades com suas questões internas após os protetores do Canadá acharem que o primeiro ministro, Justin Trudeau, está violando leis de ética no caso SNC-Lavalin. O relatório chega logo após o Canadá estar se preparando para as eleições federais em outubro, complicando possivelmente a proposta de reeleição de Trudeau. O Canadá tem se distanciado dos EUA, após o presidente dos EUA, Donald Trump, ter imposto tarifas para o país. Além disso, as preocupações sobre a recessão imininente pesou na economia dos EUA. Isto deixará o Canadá exposto diretamente à queda do dólar dos EUA.

FinanceBrokerage - Notícias do Mercado: Gráfico USD/CAD

NZD/USD

O par avançou abaixo de uma linha de suporte importante, deixando o par mais baixo em torno de sua minima de 49 meses. O Royal Bank da Nova Zelândia (RBNZ na sigla em inglês) cortou sua taxa de juros de referência em 50 pontos bases em resposta ao corte de 25 pontos bases dos Federal Reserves em meio a recessão iminente dos EUA. Em 31 de julho, o presidente do Fed, Jerome Powell, cedeu à pressão do presidente dos EUA, Donald Trump, para cortar suas taxas de juros para acalmar a economia aquecida e deu mais espaço para a expansão econômica. Apesar disto, o presidente Trumo não estava contente com o corte de 25 pontos bases e sugere que o Fed deve fazer mais. Em linha com isto, o presidente Trump impôs tarifas de 10% sob o valor de US$ 325 bilhões em produtos chineces no ultimo 01 de Agosto. Em 074 de Agosto, o RBNZ decidiu cortar sua taxa de juros para tentar ofuscar os cortes das taxas de juros e a Guerra comercial em curso entre as duas (2) maiores economias do mundo, Estados Unidos e China.