alexa certify
0

Cúpula do G20: Hammond pressiona por imposto digital

CÚPULA DO G20 – O ministro das finanças britânico, Phillip Hammond, confirmou que pedirá que o grupo das 20 principais economias, o G20, imponha um imposto global sobre as receitas de gigantes on-line, como Google, Facebook e Amazon.

Hammond disse que pressionaria por um imposto digital global que endurecesse o processo para empresas on-line minimizarem suas deduções fiscais durante a reunião, na qual ministros de finanças e bancos centrais se encontrarão no sábado e domingo no Japão.

“Vou reforçar ainda mais o nosso relacionamento econômico bem-sucedido, mostrando como estamos abraçando a nova economia e defendendo nosso conhecimento de nível mundial para enfrentar os desafios impostos pela revolução digital”, disse Hammond.

“Também vou me reunir com meus colegas do G20 para reafirmar a necessidade de uma reforma global da estrutura tributária corporativa internacional, para garantir que seja condizente com o futuro”.

Grandes corporações da Internet afirmam que cumprem as regras fiscais mas pagaram impostos na Europa. Eles costumam fazer isso canalizando as vendas por meio de países como a Irlanda e Luxemburgo, que têm regimes fiscais permissivos.

Hammod disse que também incentivaria a adoção de princípios compartilhados para investimento em infraestrutura global. Ele também se encontrará com o novo ministro das finanças da Índia, Nirmala Sitharama, pela primeira vez para falar sobre as relações depois do Brexit.

Hammond se reuniu com líderes de empresas japonesas antes da reunião do G20. Eles falaram sobre as preocupações com o que o Brexit poderia significar para seus investimentos na Grã-Bretanha.

No ano passado, Hammond disse que queria um imposto global, mas a Grã-Bretanha estava preparada para agir por conta própria, cobrando impostos das empresas lucrativas em 2% do lucro que obtêm com os usuários do Reino Unido a partir de abril de 2020. Isso poderia ajudá-los a arrecadar mais de 400 milhões de libras, ou $12 milhões, todos os anos.

Enquanto isso, de acordo com um esboço de uma declaração conjunta dos chefes de finanças do G20, o grupo se comprometerá a acelerar os esforços para arrecadar impostos de empresas multinacionais como Google e Facebook.

“Nós continuaremos com nossa cooperação por um sistema tributário internacional globalmente justo, sustentável e moderno, e estaremos abertos para a cooperação internacional para promover políticas fiscais pró-crescimento”, disse o esboço do comunicado.

  • Support
  • Platform
  • Spread
  • Trading Instrument
User Review
  • Support
    Sending
  • Platform
    Sending
  • Spread
    Sending
  • Trading Instrument
    Sending

Receba as últimas notícias sobre economia, negociação e forex na Finance Brokerage. Confira nossas instruções de negociação abrangentes e a lista das melhores das melhores corretoras de forex. Se você estiver interessado em acompanhar as últimas notícias sobre o Mercado Financeiro, por favor, siga Finance Brokerage no Google News.



você pode gostar também

Leave a Reply

Financebrokerage