0 16

YouTube Multada em US$ 170 Milhões Por Problemas com Privacidade Das Crianças

A ferramenta de pesquisa Google da Alphabet e seu seviço de streaming gratuito Youtube pagará US$ 170 milhões de multa por coleta de dados de crianças.

Na quarta-feira, a Comissão Federal de Comércio (FTC) disse que o YouTube concordou em pagar o referido valor para por fim as alegações. O site de transmissão de video foi assunto de acusações em relação a coleta de informação pessoal de crianças através do uso dos cookies.

A lei federal que proibe coletar dados e informações sobre criança abaixo de 13 anors incluiu os cookies desde sua revisão em 2013. Os cookies são utilizados pelos servidores para rastrear os hábitos de navegação dos usuários, tornando mais fácil direcionar anúncios relevantes.

O pagamento será o maior desde que a primeira lei entrou em vigor em 1998. O YouTube pagará o valos para o FTC e o escritório geral de Nova Iorque, o ultimo receberá US$ 34 milhões.

Além disso, o pagamento força a companhia a implementar uma abordagem mais sistemática para distinguir conteúdo para crianças enquanto meta de audiencia. Não somente isto, o YouTube deverá agora exigir dos criadores de conteúdo que eles têm obrigação de receber o consentimento dos pais. Fazendo issto, se for permitido, eles podem continuar a coletar os dados desde que legalmente.

O Escritório do Diretor de Proteção ao Consumidor do FTC, Andrew Smith, explicou que o pagamento de US$ 170 milhões tem os números do YouTube como mbase. Eles pegaram o valor das receitas coletadas dos dados e deu um múltiplo.

“Acontece que US$ 170 milhões é o orçamento do Escritório de Proteção ao Consumidor para um ano,” Smith acrescentou.

Tão logo o pagamento seja finalizado, o FTC, de acordo com Smith, “fará uma varredura na plataforma do YouTube”. Essa ação tem como objetivo “determinar se existe algum conteúdo direcionado a crianças” que viole a lei federal e o acordo recentemente alcançado.

YouTube em Movimento

Depois que a FTC prosseguir com suas táticas de “limpeza” da plataforma, os criadores de conteúdo individuais poderão estar no final de qualquer ação legal. Se a política do YouTube mantiver, até certo ponto, essa não é uma ação questionável.

No entanto, isso ameaça até os canais mais inocentes, se feito de forma imprudente. É o grande esquema das coisas, deve ser responsabilidade do YouTube polir sua plataforma.

Não surpreendentemente, o YouTube declarou em sua conta do Twitter: “Hoje estamos compartilhando várias alterações projetadas para proteger melhor os dados do conteúdo infantil no YouTube. Começando em cerca de quatro meses.

A maior fonte de vídeos on-line do mundo começará a deduzir que os espectadores desse conteúdo voltado para crianças são crianças. Não tendo acesso aos dados específicos necessários, o YouTube não considerará mais a idade real desses usuários.

Em cerca de um ano, conforme exigido pelo acordo da FTC, os vídeos direcionados às crianças não receberão mais anúncios personalizados. Os criadores de conteúdo também precisarão informar a empresa sobre o upload desses tipos de vídeos através da plataforma.

Porém, mais problemas surgem do que resolvidos com esse movimento. Com a quantidade de conteúdo voltado para crianças carregado diariamente na plataforma, os criadores de conteúdo sofrerão um grande golpe. Espera-se que o espaço e a tecnologia de anúncios diminuam significativamente sua eficácia para o público.

A receita de criadores de conteúdo individuais também deve diminuir. Como resultado, menos criadores se concentrarão em criar vídeos para crianças. Assim, solicitando que mais deles simplesmente acompanhem o fluxo do algoritmo.

O YouTube deve começar a olhar para a foto maior nos próximos meses. O valor de liquidação de US$ 170 milhões é uma pequena porcentagem. Além disso, considerando a receita total da Alphabet no segundo trimestre de US$ 38,9 bilhões relatada em julho.

Não deve haver muita dificuldade em custos para a empresa investir na criação de um sistema significativamente otimizado.

  • Support
  • Platform
  • Spread
  • Trading Instrument
Comments Rating 0 (0 reviews)

Receba as últimas notícias sobre economia, negociação e forex na Finance Brokerage. Confira nossas instruções de negociação abrangentes e a lista das melhores das melhores corretoras de forex. Se você estiver interessado em acompanhar as últimas notícias sobre o Mercado Financeiro, por favor, siga Finance Brokerage no Google News.

Deixe sua opinião

Sending

Inscreva-se e receba nosso boletim de notícias

Receba as melhores notícias da Finance Brokerage diretamente no seu e-mail. Inscreva-se agora para receber as últimas notícias do mercado.