alexa certify
0

Reconhecimento facial é banido do Facebook

O Facebook informou que decidiu banir seu sistema de reconhecimento facial em meio à crescente preocupação de usuários. Futuramente, a Meta, sua matriz, acabará com esse sistema. Isso será parte de uma mudança em toda a empresa para limitar o uso de reconhecimento facial em seus produtos. É importante lembrar, que o Facebook mudou o nome da empresa para Meta em outubro.

Mais de 1 bilhão de modelos de reconhecimento facial individual serão excluídos pela Meta, como resultado dessa mudança. Segundo ela, mais de um terço dos usuários ativos diários do Facebook optaram pelo uso dessa tecnologia.

Os rostos não serão mais reconhecidos automaticamente em fotos e vídeos pela companhia. Porém, essa decisão afetará a tecnologia de texto alternativo automático que ela usa para descrever imagens para pessoas com deficiência visual. Os serviços que dependem de sistemas de reconhecimento facial serão removidos nas próximas semanas.

Facebook e aspectos legais

A Meta apresentou seu plano para a criação de um mundo virtual em outubro. Além disso, informou que considerará a tecnologia de reconhecimento facial para casos em que as pessoas precisam verificar sua identidade ou para evitar fraude.

Tal decisão do Facebook veio em meio a uma onda de notícias no mês passado. A sua ex-funcionária, Frances Haugen, divulgou documentos internos da empresa para agências de notícias, reguladores e legisladores.

Esses documentos mostram que a empresa está ciente de muitos problemas causados por seus aplicativos, mas não os corrige.

Em 2012, a companhia pagou milhões de dólares para adquirir a startup israelense Face.com. O negócio mencionado acima veio logo depois que o Facebook adquiriu o Instagram.

Este ano, um juiz federal aprovou um acordo de privacidade de ação coletiva no Facebook de US$650 milhões. Ele ordenou que 1,6 milhão de usuários em Illinois apresentassem reivindicações a serem pagas “o mais rápido possível.”

O advogado de Chicago, Jay Edelson, processou a empresa em 2015. Ele argumentou que o uso da plataforma de reconhecimento facial não era permitido pela Lei de Privacidade de Informações Biométricas de Illinois. Na verdade, o processo alegou que a ferramenta “Tag Suggestions” do Facebook armazenava dados biométricos sem o consentimento dos usuários. Em Illinois, esse armazinamento é ilegal sem a aprovação dos usuários. Em 2018, o caso se tornou uma ação coletiva.

 

  • Support
  • Platform
  • Spread
  • Trading Instrument
Comments Rating 0 (0 reviews)

Receba as últimas notícias sobre economia, negociação e forex na Finance Brokerage. Confira nossas instruções de negociação abrangentes e a lista das melhores das melhores corretoras de forex. Se você estiver interessado em acompanhar as últimas notícias sobre o Mercado Financeiro, por favor, siga Finance Brokerage no Google News.



você pode gostar também

Leave a Reply

User Review
  • Support
    Sending
  • Platform
    Sending
  • Spread
    Sending
  • Trading Instrument
    Sending

Financebrokerage