alexa certify
0

Países Produtores de Petróleo: Petróleo em Queda na Terça-feira

PAÍSES PRODUTORES DE PETRÓLEO – O preço do petróleo caiu ainda mais na terça-feira, já que a produção crescente dos Estados Unidos e do cartel de petróleo da OPEP deve compensar a maior parte do déficit das sanções dos EUA contra o Irã.

O presidente dos EUA, Donald Trump, afirmou anteriormente que havia “chamado” a OPEP para baixar os preços da gasolina nos EUA.

O petróleo bruto dos EUA WTI Futures foi negociado a US$63.46, perdendo 0.2 por cento. A referência internacional Brent Oil Futures foi negociada a US$71.38, também perdendo 0.2 por cento.

Na última segunda-feira, os preços acabaram sendo negociados em baixas de sessão, depois que o secretário-geral da OPEP, Mohammed Barkindo, negou ter tido qualquer tipo de conversa com o presidente dos EUA, que tuitou que ele havia conversado com a Arábia Saudita.

Na semana anterior, os preços do petróleo subiram após a decisão de Trump de apertar as sanções contra o Irã. Os EUA acabaram com todas as isenções que os grandes compradores de petróleo tinham anteriormente.

Enquanto isso, o Irã disse recentemente que continuará a exportar petróleo, apesar das sanções, de acordo com a declaração do presidente Hassan Rouhani em uma transmissão ao vivo na televisão estatal iraniana.

“A decisão dos EUA de que as exportações de petróleo do Irã devem chegar a zero é uma decisão errada e equivocada, e não permitiremos que essa decisão seja executada e operacionalizada”, disse Rouhani. “Nos próximos meses, os próprios americanos verão que continuaremos nossas exportações de petróleo”.

O Que Dizem os AnalistasPaíses Produtores de Petróleo – foto da fachada do Bank of America Merill Lynch -Finance Brokerage

Segundo analistas, os mercados, de modo geral, permanecerão apertados.

O Bank of America Merill Lynch disse que “a produção de petróleo iraniana cairá para 1.9 milhão de barris por dia no 2H19, de 3.6 milhões de barris por dia no 3Q18, já que as sanções dos EUA entrarão em vigor e as isenções expirarão”.

Apesar de tais declarações, o banco disse que esperava “um mercado quase equilibrado em 2019”, já que a produção da OPEP e também dos EUA aumentará.

O BNP Paribas, um banco francês, disse que um “aumento no curto prazo” dos preços do petróleo deve ser esperado, já que os produtores de petróleo “apertaram demais o mercado diante de interrupções não planejadas da oferta, e da demanda por petróleo resiliente”.

Os mercados do bruto subiriam até o terceiro trimestre do ano e os preços então “começariam a ficar vulneráveis a um aumento acentuado nas exportações dos EUA do petróleo bruto, graças à expansão da capacidade do terminal e do oleoduto”, segundo o banco.

As exportações dos EUA subiram para mais de 3 milhões de barris por dia pela primeira vez no início do ano, depois que a produção subiu mais de 2 milhões de barris por dia em relação ao ano anterior.

De acordo com um analista, a OPEP “vai querer evitar a todo custo que os preços do petróleo subam para níveis que irão desencadear a devastação da demanda, (enquanto) é claramente o melhor interesse da OPEP manter um piso sólido dos preços”.

  • Support
  • Platform
  • Spread
  • Trading Instrument
User Review
  • Support
    Sending
  • Platform
    Sending
  • Spread
    Sending
  • Trading Instrument
    Sending

Receba as últimas notícias sobre economia, negociação e forex na Finance Brokerage. Confira nossas instruções de negociação abrangentes e a lista das melhores das melhores corretoras de forex. Se você estiver interessado em acompanhar as últimas notícias sobre o Mercado Financeiro, por favor, siga Finance Brokerage no Google News.



você pode gostar também

Leave a Reply

Financebrokerage