alexa certify
0

Petróleo da Organização dos Países Exportadores de Petróleo Cai

O petróleo da Organização dos Países Exportadores de Petróleo entrou em colapso para uma mínima de oito anos em setembro após ataques nas instalações de petróleo saudita. Isto aprofunda o impacto de um pacto de fornecimento e as sanções dos EUA sobre o Irã a Venezuela.

Os 14 membros da OPEP bombeou 28,9 milhões de barris por dia este mês, a pesquisa mostrou. Em relação aos números revisados de Agosto diminuiu para 750.000 bpd, que é o total mensal mais baixo desde 2011.

Os ataques em duas instalações de petróleo saudita que diminuiu 5,7 bpd da produção. O resultado levou os preços do petróleo para uma alta de 20% para US$ 72 um barril em 16 de setembro. Pressionado por um recomeço rápido da produção e preocupações sobre a demanda desacelerando, o preço tem desde então caído para US$ 61, perto dos níveis antes do ataque à Arábia Saudita.

Além disso, Craig Erlam diz que os investidores não estão particularmente preocupados sobre o prêmio de risco no petróleo. Ele acrescentou também que o foco parece estar mudando de volta para a dinâmica da demanda e para o risco de mais reduções.

A OPEP +, a Rússia e outros aliados produtores de petróleo concordaram em reduzir em dezembro a oferta em 1,2 milhão de bpd desde o início do ano. O corte de 800.000 bpd é a parcela da OPEP a ser entregue por 11 membros, com exceções do Irã, Líbia e Venezuela.

Além disso, os 11 membros da OPEP superaram facilmente os cortes programados. O acordo de seus membros vai até março de 2020.

Em setembro, a conformidade aumentou 218%, ante 131% em agosto, segundo a pesquisa.

Dois dos três produtores isentos também bombearam menos petróleo do que no mês anterior.

A queda mais significativa foi na Arábia Saudita, que forneceu 9,05 milhões de bpd ou 700.000 bpd a menos que em agosto.

A Organização dos Países Exportadores de Petróleo Divulgaram os Estoques

A diminuição do petróleo da Organização dos Países Exportadores de Petróleo seria maior se não fosse por Aramco, divulgando o petróleo estocado de seus inventários que irão limitar o declínio. A produção saudita estava entre 8,5 milhões bpd e 8,6 milhões de bpd, de acordo com as fontes na pesquisa.

Além disso, a Arábia Saudita já estava restringindo a produção em mais do que pedido pelo acordo de fornecimento liderado pela OPEP para o Mercado.

A Venezuela diminuiu ainda mais a produção, que está enfrentando sanções dos EUA à petroleira estatal PDVSA. O objetivo era derrubar o presidente socialista Maduro, bem como um declínio de longo prazo na produção devido à falta de investimento.

A PDVSA suspendeu algumas misturas de petróleo e reduziu a produção, este mês. Como resposta a um aumento nos estoques domésticos, enquanto as sanções se mostraram um impedimento para clientes e remetentes.

Além disso, a pesquisa encontrou uma tendência mista entre o Iraque e a Nigéria. Ambos se comprometeram a aumentar sua conformidade.

A pesquisa descobriu que o Iraque reduziu as exportações de seus portos do sul e do norte. A Nigéria aumentou ligeiramente a oferta e continuou a produzir acima da meta da OPEP pela maior margem.

A Líbia bombeou mais, entre outros países, aumentando a produção, devido a uma maior contribuição do maior campo petrolífero do país. Foi depois das interrupções que restringiram a produção em agosto.

Além disso, desde 2011, a produção de setembro foi a mais baixa da OPEP. A guerra civil da Líbia causou um colapso na produção de petróleo do país, excluindo as mudanças de membros ocorridas desde então.

A Opep e empresas de consultoria dizem que a pesquisa visa rastrear o fornecimento ao mercado e com base em dados de remessa fornecidos por fontes externas.

  • Support
  • Platform
  • Spread
  • Trading Instrument
Sending
User Review
0 (0 votes)

Receba as últimas notícias sobre economia, negociação e forex na Finance Brokerage. Confira nossas instruções de negociação abrangentes e a lista das melhores das melhores corretoras de forex. Se você estiver interessado em acompanhar as últimas notícias sobre o Mercado Financeiro, por favor, siga Finance Brokerage no Google News.



você pode gostar também

Leave a Reply

Financebrokerage