0 9

Mudanças de Biden das políticas dos EUA para América Latina

Quatro anos depois de ser abalada pela chegada de Donald Trump ao poder, a política dos Estados Unidos em relação à América Latina voltará a ter uma reviravolta com o triunfo de Joe Biden nas eleições.

A vitória do líder do partido democrata traduz-se em um possível descongelamento das relações com Cuba, uma mudança nas políticas de imigração e um olhar mais estrutural e sensível para questões como o processo de paz na Colômbia e as tensões com a Venezuela. Além disso, facilitará as políticas de imigração que foram implementadas sob a administração de Trump.

De fato, as profundas diferenças entre Biden e Trump sobre como conduzir as relações exteriores emergem claramente em suas abordagens para a região.

Trump priorizou quase exclusivamente cortar a migração da América Latina para os EUA. Enquanto isso, Biden propõe aumentar a cooperação continental quanto a problemas como violência e pobreza.

O presidente eleito também levantou a importância de outras questões em ascensão, incluindo direitos humanos, meio ambiente e corrupção. Segundo especialistas, ele testará a ligação de Washington com países como México ou Brasil. dollar, united

A Crise Venezuelana

Embora a crise na Venezuela continue sendo um tema em voga, Biden pode mudar a estratégia de Trump.

Além do México e da América Central, a Venezuela tem sido há muito a principal dor de cabeça dos EUA. A estratégia de Biden contra o regime de Maduro e seus aliados (Cuba e Nicarágua) poderia apresentar contornos mais amigáveis. Ainda assim, ele tentará manter a pressão alta, embora com ferramentas diplomáticas diferentes dos excessos verbais de Trump. A administração democrata será firme e rigorosa com esses governos, buscando sua democratização. Sua chegada à Casa Branca implicará uma nova abordagem.

A posição de Biden sobre a Venezuela não vai virar 180 graus. Não reconhecerá a legitimidade de Maduro nem levantará sanções. Ele ofereceu aos imigrantes venezuelanos Status de Proteção Temporária (TPS). Luis Vicente Leon, diretor executivo da Datanalisis, ressalta que Biden acabará com a estratégia fracassada focada em sanções, isolamento e discursos provocativos. Ele abrirá mais oportunidades para pressionar uma negociação inteligente capaz de gerar oportunidades reais de mudança.

A relação com Cuba é uma das grandes incógnitas da nova administração. Biden tentará recuperar a política de Obama ou será mais cauteloso? Ele acredita que o governo anterior não fez nada para promover a democracia e os direitos humanos no país. Pelo contrário, a repressão contra os cubanos pelo regime piorou. Ele propôs reverter a limitação das remessas às famílias cubanas. Biden afirmou que planeja seguir uma política que promova os interesses e capacite o povo cubano a determinar seu futuro livremente.

  • Support
  • Platform
  • Spread
  • Trading Instrument
Comments Rating 0 (0 reviews)

Receba as últimas notícias sobre economia, negociação e forex na Finance Brokerage. Confira nossas instruções de negociação abrangentes e a lista das melhores das melhores corretoras de forex. Se você estiver interessado em acompanhar as últimas notícias sobre o Mercado Financeiro, por favor, siga Finance Brokerage no Google News.

Deixe sua opinião

Sending

Inscreva-se e receba nosso boletim de notícias

Receba as melhores notícias da Finance Brokerage diretamente no seu e-mail. Inscreva-se agora para receber as últimas notícias do mercado.