0 24

Mercado asiático cai após Trump dizer que China “Rompeu o Acordo”

Mercados asiáticos: Na quinta-feira, os mercados asiáticos caíram quando Trump disse, antes das negociações de amanhã, que a China “rompeu o acordo”. Às 10h30 PM ET (2h30GMT), o Shanghai Composite da China e o Shenzhen Component caíram 1,1% e 0,7%, respectivamente. O índice Hang Seng de Hong Kong caiu 1,6%.

Mesmo não sendo um grande impulsionador de direção, os dados mostraram nesta manhã que o índice de preços ao consumidor da China em abril subiu 2,5% em relação ao ano passado. O aumento foi de acordo com as expectativas, mas ligeiramente superior ao aumento de 2,3% em março em relação ao ano anterior.

Os dados do Escritório Nacional de Estatísticas mostraram que um aumento nos preços da carne suína (+ 14,4% ano a ano) contribuiu para o aumento dos preços dos alimentos.

O Nikkei 225 do Japão caiu 1,2%. O KOSPI da Coreia do Sul diminuiu 1,2%.

Mais abaixo, o ASX 200 da Austrália foi para 0,3%.

A expectativa é de que as notícias comerciais dominem as manchetes pelo resto da semana, enquanto os mercados aguardam o resultado das tão esperadas negociações na sexta-feira.

A propósito, vocês viram as tarifas que estamos aplicando? Porque eles romperam o acordo. Eles romperam o acordo” “Por isso eles estão vindo, o vice-premier chega amanhã — um bom homem — mas eles romperam o acordo. Eles não podem fazer isso, então terão que pagar.” Disse Trump.

Ele alegou que as discussões com a China foram lentas quando a China tentou renegociar. No entanto, fontes internas informaram que os dois lados estavam se aproximando de um acordo comercial que seria assinado na sexta-feira.

Trump acrescentou que os EUA poderiam optar por fabricar o produto nos EUA, se necessário.

Em resposta, a China disse que retaliaria se os EUA cumprissem suas ameaças de aumentar as tarifas de $200 bilhões em produtos chineses.

O aumento do atrito comercial não é de interesse do povo dos dois países e dos povos do mundo,” disse o Ministro do Comércio. “O lado chinês lamenta profundamente que, se os EUA implementarem medidas tarifárias, a China terá que tomar as contramedidas necessárias.

O dólar se estabilizou depois de reduzir as perdas em relação ao iene, uma vez que a ameaça de Trump foi ignorada.

 

Na quinta-feira, os mercados de Forex estavam novamente em risco no início do pregão na Europa. O iene subiu e o renminbi caiu à medida que aumentava a probabilidade de novas tarifas norte-americanas sobre as importações chinesas.

Uma enxurrada de manchetes contraditórias sobre o comércio na quarta-feira deixou os mercados confusos, mas ainda havia a expectativa de um acordo comercial entre EUA e China. O maior negociador da China, o vice-primeiro-ministro Liu He, deve chegar a Washington no final do dia.

O Ministério do Comércio da China respondeu durante o overnight, alertando que “o aumento do atrito comercial não é de interesse do povo dos dois países e dos povos do mundo.”

O yuan caiu para o nível mais baixo desde janeiro contra o dólar no overnight, chegando a 6,8141. O Aussie também atingiu uma baixa de quatro meses.

Os movimentos desta semana no USD/CNY pegaram os mercados de surpresa e os fizeram sair de sua zona de conforto,” disseram os analistas da ING, Chris Turner e Carlo Cacuzzo.

Eles disseram ainda que esperam que a fraqueza do yuan influencie outras “moedas de atividade” como o dólar canadense, o won coreano, a rupia indonésia e o rand sul-africano.

Às 3h AM ET (7 GMT), o índice do dólar, que mede o dólar norte-americano em comparação com o grupo das seis principais moedas, ficou em 97,330, caindo 0,1% em relação ao final da quarta-feira, principalmente devido à queda do iene e do franco suíço.

Por outro lado, o GBP continua em modo de espera depois que uma ameaça à primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May, fracassou. As esperanças de um acordo entre partidos que poderia proporcionar uma saída tranquila da União Europeia continuam baixas.

O euro também continua à deriva, na faixa de $1,12, sem dados econômicos significativos programados para hoje.

  • Support
  • Platform
  • Spread
  • Trading Instrument
Sending
User Review
0 (0 votes)

Receba as últimas notícias sobre economia, negociação e forex na Finance Brokerage. Confira nossas instruções de negociação abrangentes e a lista das melhores corretoras de forex. Se você estiver interessado em acompanhar as últimas notícias sobre o Mercado Financeiro, por favor, siga Finance Brokerage noGoogle News.

Deixe sua opinião

Inscreva-se e receba nosso boletim de notícias

Receba as melhores notícias da Finance Brokerage diretamente no seu e-mail. Inscreva-se agora para receber as últimas notícias do mercado.