alexa certify
0

China planeja desenvolver chips sem tecnologia estrangeira

As gigantes da tecnologia chinesa têm tentado criar chips (semicondutores). Isso é visto como um progresso que se aproxima do objetivo do país se tornar autossuficiente em tecnologia.

Mas, na realidade, ele ainda está longe de seu plano, mesmo que esteja se aproximando da autossuficiência. Segundo um especialista, a China ainda depende fortemente de tecnologia estrangeira e do mercado de chips.

Chips são componentes vitais em tudo, como refrigeradores modernos, smartphones, carros e muitos outros eletrônicos. Eles também se tornaram o principal foco da batalha tecnológica entre a China e os EUA.

A China começou a investir massivamente na expansão de sua indústria de chips. Ainda assim, ela lutou para alcançar seus rivais. Cada vez mais, os chips representam um sinal de expertise tecnológica. Além de serem elementos essenciais para a segurança nacional de muitos países.

Este ano, grandes empresas de tecnologia da China forneceram relatórios sobre chips fabricados no país.

Neste verão, o Baidu lançou seu chip de inteligência artificial de segunda geração chamado Kunlun 2. Esta semana, o Alibaba entregou um chip projetado para computação em nuvem e servidores. Na quarta-feira, o Nikkei informou que a Oppo (fabricante de smartphones) também está promovendo seus processadores de última geração para seus aparelhos.

Apesar de estarem criando seus chips, essas empresas ainda precisam contar com ferramentas estrangeiras. As gigantes da internet na China ainda dependem enormemente de empresas estrangeiras no que diz respeito à cadeia de suprimentos e manufatura mais ampla.

Peter Hanbury, sócio da Bain & Company, disse à CNBC que este é um pequeno passo para se tornar mais autossuficiente em chips. 

Essas empresas estão projetando seus chips para criar semicondutores para aplicações específicas.

Cadeia de suprimentos dominada por estrangeiros

O novo chip Yitian 710 da Alibaba é baseado em um projeto da empresa britânica de semicondutores Arm. Eles se baseiam no processo de 5 nanômetros, considerado a tecnologia de chip mais avançada da atualidade. O chip do Baidu é baseado no processo de 7 nanômetros. Já o Oppo supostamente funciona em um chip de 3 nanômetros. Por isso a China começou a construir seus próprios chips, pois não tem uma empresa para fabricá-los. Então, ela precisará depender de apenas três empresas fora do país: a TSMC de Taiwan, Intel dos EUA e Samsung da Coreia do Sul.

Segundo Hanbury, o ecossistema de chips é vasto e complexo. Portanto, aumentar a autossuficiência é um grande desafio em uma ampla gama de recursos e tecnologias.

 

  • Support
  • Platform
  • Spread
  • Trading Instrument
Comments Rating 0 (0 reviews)

Receba as últimas notícias sobre economia, negociação e forex na Finance Brokerage. Confira nossas instruções de negociação abrangentes e a lista das melhores das melhores corretoras de forex. Se você estiver interessado em acompanhar as últimas notícias sobre o Mercado Financeiro, por favor, siga Finance Brokerage no Google News.



você pode gostar também

Leave a Reply

User Review
  • Support
    Sending
  • Platform
    Sending
  • Spread
    Sending
  • Trading Instrument
    Sending

Financebrokerage