quora As vendas no varejo atingem máxima de dois anos
0 10

As vendas no varejo atingem máxima de dois anos

As vendas de varejo melhoraram mais do que o esperando em novembro uma vez que as vendas da Black Friday deram aos varejistas o suporte necessário. E ainda, os sinais anteriores de gasto menor no mês passado sugeriam que a economia continuaria lenta durante o final de 2019.

Os dados divulgados pelo Instituto Australiano de Estatísticas (ABS) na sexta-feira mostraram que as vendas no varejo foram superiores 0,9% para A$27,91 bilhões (US$ 19,13) em novembro, seu aumento mais significativo desde novembro de 2017.

Os números foram mais do que o dobro das expectativas dos economistas para um crescimento de 0,4%. Os números para outubro também mudaram para um aumento de 0,1%.

Aumentos nos setores roupas, calçados, produtos para casa, lojas de departamento e restaurantes no mês foram os fatores para a recuperação.

Ao mesmo tempo, os ajustes sazonais removem os padrões regulares sazonais associados com o Black Friday, que foram as bases dos resultados anteriores. Os aumentos substanciais ajustados sazonalmente em vários subgrupos neste mês mostram que o impacto deste Black Friday superou aqueles dos anos passados.

Os dados enviaram o dólar australiano brevemente para uma máxima intradia de 0,6878 frente à sua contraparte e para 75,30 frente ao iene japonês.

 

Recuperação dos gastos ainda incerta mesmo com o crescimento das vendas no varejo

Apesar da leitura das vendas no varejo, os economistas precisam dos números de dezembro para confirmar se tem havido um crescimento de modo geral nos gastos.

Com os resultados de novembro impulsionados pelas promoções de marketing, os economistas continuam preocupados com a tendência nos gastos do consumidor, de acordo com o economista Kaixin Owyong.

As promoções que significam a maioria da melhoria nos números de hoje, provavelmente refletem os consumidores antecipando o período das compras antes do Natal.

A economia Australiana desacelerou após 28 anos sem uma recessão, enquanto os consumidores apertam os seus cintos devido à estagnação do crescimento dos salários e à dívida expressiva.

A redução acentuada nos gastos ocorre mesmo com os três cortes nas taxas do Reserve Bank of Australia (RBA) para 0,75% em 2019.

Os benefícios do governo forneceram também um suporte com bilhões em rebates de taxas sendo poupado em vez de ser gasto.

Além disso, a crise com o incêndio nas florestas, que queimou mais de 10 milhões de hectares de terra e destruiu centenas de casas nos últimos meses, deve atingir o consumo à curto prazo. Alguns economistas veem o incidente interrompendo o crescimento econômico da Austrália este trimestre, o que poderá exigir um corte na taxa de juros em fevereiro.

Um indicador do sentimento do consumidor atingiu uma mínima de quatro anos no início de janeiro, enquanto os anúncios de vagas de emprego tiveram uma queda acentuada de 18,8% para 142.569 em dezembro, seu registro mais baixo desde abril de 2016, refletindo o impacto dos incêndios catastróficos das florestas.

Comments Rating 0 (0 reviews)

Receba as últimas notícias sobre economia, negociações e Forex no Finance Brokerage. Confira a nossa extensa seção de educação em negociações e lista das melhores corretoras de Forex aqui. Inscreva-se agora e receba atualizações GRATUITAS sobre o mercado hoje!

Deixe sua opinião

Sending

Inscreva-se e receba nosso boletim de notícias

Receba as melhores notícias da Finance Brokerage diretamente no seu e-mail. Inscreva-se agora para receber as últimas notícias do mercado.